Skip to main content
Clean & Safe

Projeto “De casa para um mundo…” segue em viagem para Monção e Vigo

Exposição “De casa para um mundo…” XXI Bienal Internacional de Arte de Cerveira (2020)

 

Integrando a XXI Bienal Internacional de Arte de Cerveira, a exposição “De casa para um mundo…” revelou-se um projeto de sucesso e tem já duas itinerâncias agendadas. A Galeria de Arte CTJV, em Monção, e o Centro Cultural Português do Camões, Instituto da Cooperação e da Língua, em Vigo, são os espaços que irão acolher esta mostra que reúne 30 obras de 15 escritores, 15 artistas plásticos e 15 compositores.

Trata-se de um projeto artístico inédito, concebido por Manuel de Novaes Cabral e Sobral Centeno, que reuniu, em tempos de pandemia, nomes bem conhecidos das artes visuais e da literatura contemporânea. Maria de Fátima Lambert é a curadora desta exposição que integrou mais tarde, por sugestão de Paula Freire, a área da música.
O resultado foi a criação à distância de obras coletivas que foram dadas a conhecer ao público na XXI Bienal Internacional de Arte de Cerveira, no Solar dos Castros. Para além da exposição, o programa contemplou ainda uma visita comentada, mesas-redondas e depoimentos dos protagonistas, em streaming e gravados.
O sucesso do projeto foi tal que a mostra segue agora em viagem para Monção e Vigo: “Vai ser cumprido o propósito da itinerância, essa movimentação e liberdade que vemos condicionada pelas circunstâncias ainda vividas. As viagens das obras abrem-se a novos horizontes, cabendo a Monção ser o primeiro destino deste Grand Tour tão especial”, explica Maria de Fátima Lambert.
No total são apresentadas 30 obras de 15 escritores + 15 artistas plásticos, as quais são acompanhadas de pequenas composições de 15 músicos, colocando em diálogo criadores que não se puderam encontrar, mas que comunicaram através da arte.
A iniciativa conta, ainda, com a colaboração dos Designers Beatriz Horta Correia, Francisco Providência, Joana Machado, Miguel Gaspar e Nuno Coutinho.
De recordar que a bienal de arte mais antiga do país e da Península Ibérica se mantém de portas abertas até 31 de dezembro, estando igualmente disponível a visita virtual às várias exposições patentes.

 

Agenda itinerâncias:
• 24 de outubro a 28 de novembro de 2020 \ Galeria de Arte CTJV, Monção
• 12 de dezembro de 2020 a 16 de janeiro de 2021 \ Centro Cultural Português do Camões, Instituto da Cooperação e da Língua, I.P., em Vigo

 

Artistas representados:
• Capicua, Albuquerque Mendes e Ana Seara
• Afonso Reis Cabral, Ana Fonseca e Pedro Pinto Figueiredo
• Daniel Maia-Pinto Rodrigues, Ana Pérez-Quiroga e Sara Carvalho
• Bernardo Pinto de Almeida, António Olaio e Nuno Peixoto de Pinho
• Pedro Eiras, Avelino Sá e Jaime Reis
• João Gesta, Cristina Ataíde e Ângela da Ponte
• Paulo José Miranda, Francisco Laranjo e Inês Badalo
• Francisco Duarte Mangas, Graça Pereira Coutinho e António Pinho Vargas
• Maria do Rosário Pedreira, Isaque Pinheiro e Carlos Marecos
• Rosa Alice Branco, Susana Piteira e Francisco Monteiro
• Nuno Higino, Jorge Abade e Carlos Caires
• Gonçalo M. Tavares, Pedro Calapez e Sérgio Azevedo
• Hugo Mezena, Pedro Tudela e Isabel Pires
• Manuel Novaes Cabral, Sobral Centeno e Luís Soldado
• Filipa Leal, Zulmiro de Carvalho e António Victorino D’Almeida